Como montar um cronograma de estudos: 8 dicas eficientes

Confira 8 dicas de como montar um cronograma de estudos [+bônus]

como montar um cronograma de estudos- imagem de um calendário.

Alguma vez você já sentiu que, mesmo após longas horas de estudo, o conteúdo não foi totalmente absorvido ou que o tempo não foi muito bem aproveitado? Isso acontece por falta de planejamento e organização das matérias que devem ser estudadas. Para resolver esse problema, basta saber como montar um cronograma de estudos.

Sabendo disso, reunimos 8 dicas maravilhosas para você fazer seu cronograma de estudos e potencializar seu aprendizado. Bora conferir?

como montar um cronograma de estudos- um xícara de café ao lado de um cronograma em cima de uma mesa.
Créditos: ra2studio/ depositphotos

O que é um cronograma de estudos? 

Antes de mais nada, você precisa saber o que é um cronograma de estudos. Ele nada mais é do que um método para ajudar a organizar a sua rotina de estudos, definindo horários, matérias que devem ser estudadas e revisadas, tempo de descanso e diversas outras atividades que envolvem o processo de aprendizado

O cronograma pode ser feito em um calendário de papel ou digital, em um caderno ou até mesmo em planilhas feitas no computador. O importante é que ele seja feito em um formato prático e de fácil acesso para quem vai usá-lo. 

Se você pensa em fazer a prova do Enem, da escola ou algum outro tipo de avaliação, vale a pena desenvolver essa organização. Assim, é possível contemplar todas as disciplinas exigidas no exame que você vai prestar e o tempo necessário para se dedicar a cada uma delas.

Qual a importância do cronograma de estudos?

Conforme alguns estudos da neurociência, nosso cérebro funciona da mesma maneira que um músculo e também precisa se exercitar. Um bom cronograma de estudos pode te ajudar a economizar tempo, aumentar sua concentração e motivação, além de:

  • ajudar a cumprir suas obrigações com o aprendizado de maneira organizada;
  • ser um método de estudo personalizado, pois não há um modelo único e correto para todos os estudantes;
  • desenvolver a autoavaliação sobre o cronograma e o gerenciamento de tempo nos estudos;
  • permitir a visualização de quanto tempo é necessário para estudar cada disciplina;
  • tornar a meta do seu aprendizado visível, de modo a maximizar sua produtividade e tempo.

Agora que você sabe o que é e qual a importância do cronograma de estudos, vamos explicar como fazer um na prática.

Como montar um cronograma de estudos na prática?

Confira o passo a passo sobre como montar um cronograma de estudos!

1. Escolha um formato que atenda as suas necessidades 

Como explicamos acima, você pode fazer seu cronograma no local em que se sentir mais confortável. É possível fazê-lo em uma folha de papel, escrevendo os horários destinados ao estudo e desenhando tabelas e esquemas que facilitem a distribuição das matérias no cronograma. Ou, caso o estudante tenha facilidade, pode montar tabelas e esquemas no computador.

Há, também, a possibilidade de utilizar planners e organizadores de papelarias quem vêm com uma estrutura montada para você preenchê-la com os horários de estudo da sua rotina. Normalmente, esses planners têm instruções de como organizar o seu tempo e distribuir os conteúdos da melhor forma. 

Aplicativos e sites também são fortes aliados da organização. Eles fornecem tabelas e funcionalidades de controle de tempo e estudo destinado a cada conteúdo. Esse formato é interessante, pois possibilita a utilização de dispositivos como celulares e tablets para atividades produtivas que contribuem para o aprendizado. 

2. Conheça a sua rotina 

De nada adianta saber como montar um cronograma de estudos, se ele estiver fora da sua própria realidade. Por esse motivo, analise como é o seu dia a dia, quais são as atividades fixas, os horários destinados às refeições, descanso etc. Essa é a única forma de estruturar um planejamento de estudos que atenda às suas necessidades. 

3. Defina os seus horários de estudo 

Com o formato de cronograma estabelecido e tendo conhecimento de suas atividades diárias, agora é hora de definir em quais horários você vai estudar

Se você estuda em algum cursinho ou escola regular, coloque no cronograma os horários das aulas e os conteúdos que serão tratados. Depois, reserve um tempo específico após cada uma das aulas para fazer uma revisão de tudo o que foi visto. 

Se você estuda sozinho, separe um tempo para cada matéria especificando o horário em que será realizada cada atividade, como leitura de materiais, anotações, videoaulas, exercícios e revisão. 

4. Conheça seus pontos fortes e fracos 

Para saber o tempo que deve ser destinado à cada disciplina, é importante saber quais são seus pontos fortes e fracos. Após identificar em quais matérias você tem mais dificuldade, separe um tempo maior para estudá-las. Da mesma forma, para as matérias com as quais você tem mais facilidade, planeje atividades mais práticas, como revisões do conteúdo. 

5. Tenha um ambiente de estudo 

Um dos grandes inimigos do estudo é a dispersão. Por isso, estudar em locais barulhentos, próximo a aparelhos eletrônicos ou em ambientes desorganizados não é indicado. 

Definir um local de estudo adequado é essencial para ter qualidade no processo de aprendizado e cumprir tudo o que foi proposto no cronograma de estudos. Nesse sentido, nossa dica é que você estabeleça um local fixo para estudar, que seja limpo, organizado e contenha todos os materiais necessários, como lápis, caneta, bloco de anotações e cadernos.

6. Escolha um método de estudos 

Um aliado da otimização e absorção de conteúdo é a utilização de um método de estudo. Eles ajudam a ordenar e potencializar a capacidade de aprendizado. Entre eles, estão o método Pomodoro, mapa mental, autoexplicação, mnemônica etc. 

Cada pessoa tem uma forma diferente de estudar. Por esse motivo, é interessante que você escolha um ou dois métodos que mais se adaptam ao seu perfil para aplicá-los. Feito isso, verifique qual deles mais te ajudou a manter a concentração e rendimento e inclua na sua rotina de estudos. 

7. Reserve um tempo para descanso 

Para seguir um cronograma de estudo com qualidade, é muito importante estabelecer horários de descanso e lazer. Nesse sentido, o estudo intercalado é uma ótima opção. Ele consiste em estabelecer pausas curtas entre uma rodada de estudos e outra. 

Também é importante reservar horários para outras atividades, como academia, leituras, passeio com os amigos e familiares. Esses momentos são importantes para espairecer, relaxar e descansar o nosso corpo. Lembre-se: uma mente tranquila e descansada ajuda a manter a qualidade do estudo. 

8. Planeje os imprevistos 

Quando se monta um cronograma de estudos, é muito importante ter a consciência de que alguns imprevistos podem impedir a realização das tarefas como programado. Mas não devemos nos chatear ou desanimar, mas sim estarmos preparados para eles.

Portanto, reserve um tempo do seu cronograma para compensar qualquer acontecimento inesperado e garantir que todas as atividades serão cumpridas. 

[Bônus] Dicas extras de como montar um cronograma de estudos

Além das dicas que apresentamos acima, trouxemos 3 dicas extras para te ajudar a montar seu cronograma de estudos. Confira!

1. Intercale disciplinas diferentes para estudar

Outra dica essencial de como montar um cronograma de estudos é intercalar todas as matérias ao longo da semana, a fim de alcançar um estudo melhor espaçado. Isso vai gerar bons resultados, inclusive nas notas finais.

5. Evite programar matérias que usam o mesmo lado do cérebro 

Essa dica é muito parecida com a anterior, porém, aqui, você vai intercalar matérias diferentes, como cálculo/raciocínio e memorização/teoria. Assim, você vai estimular e absorver conhecimento em um lado do cérebro, enquanto o outro descansa e se prepara para receber outros conhecimentos.

3. Conte com uma plataforma virtual

A nossa última dica de como montar um cronograma de estudos é buscar o auxílio de plataformas virtuais. Afinal, a tecnologia está aí para ajudar, né?

Algumas plataformas têm excelentes videoaulas sobre todas as matérias do ensino médio, materiais para complementar os estudos, realização de simulados, correções de redação com ótimos feedbacks, orientação vocacional e muito mais! 

Esperamos que as nossas dicas sobre como montar um cronograma de estudos melhorem a qualidade do seu aprendizado e te ajudem a conquistar a tão sonhada aprovação na faculdade! Agora, que tal ler o nosso próximo texto com dicas de como se concentrar nos estudos?  

Compartilhar

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp