Parônimos e Homônimos: o que são?

Entenda o que são e as principais diferenças entre parônimos e homônimos

316
Parônimos e Homônimos

Diversas vezes quando estamos escrevendo um texto, uma redação ou um simples comentário na internet, nos deparamos com algumas dúvidas em relação a ortografia de alguma palavra, né? Uma dessas dúvidas muitas vezes está relacionada a palavras parônimas e homônimas, e pensando nisso, nós do QG elaboramos uma matéria para você entender de vez a diferença entre elas. Confira!  

HOMÔNIMOS 

Para entendermos melhor o que de fato é uma palavra homônima, é necessário antes de tudo, irmos em sua raiz. 

Homônimo é uma palavra de origem grega compostas pelos morfemas “HOMOS”, que significa igual, e o morfema “ONYMA” que significa nome. Logo, podemos compreender que palavras homônimas são aquelas cuja grafia e/ou grafia é a mesma, mas o significado diferente.  

São exemplos de homófonos (mesma pronúncia):  

Ascender (elevar) e acender (atear) 

Tachar (atribuir defeito a) e taxar (fixar taxa) 

Nós (pronome) e noz (fruta) 

São exemplos de homônimos perfeitos (mesma grafia e mesma pronúncia): 

Manga (fruta) e manga (camiseta) 

São (sadio), são (verbo) e são (santo)  

Cedo (advérbio de tempo) e cedo (verbo ceder) 

Parônimos e Homônimos

PARÔNIMOS  

Consideramos parônimos palavras que possuem grafia ou pronúncia parecidas (não iguais) mas significado diferente. Por isso, num geral, palavras parônimas são motivos de muitas confusões ortográficas, fazendo com que a gente troque determinados termos por outros, e modificando um contexto.  

Podemos citar como exemplos:  

Retificar (corrigir) e ratificar (confirmar)  

Cumprimento (saudação) e comprimento (unidade de medida) 

Absorver (sorver) e absolver (inocentar) 

Cavaleiro (homem que anda a cavalo) e cavalheiro (homem gentil)

Por fim, saber diferencia-los pode ser uma ótima forma de evitar erros de ortografia, e de quebra não perder pontos na competência 1 da redação ENEM. Vale lembrar ainda, que uma boa leitura, implica em uma boa escrita. Logo, se familiarizar com essas classes de palavras através da leitura, pode auxiliar bastante em sua compreensão.