O Desafio da Gestão do Lixo na Atualidade

1155

QGnianos dos cursos Completo ENEM +Combo Completo ENEM + Foca na MedicinaCombo Completo Enem + Foca nas Humanas ou do pacote ILIMITADO saiu mais um tema de redação! As correções são pela Imaginie, maior plataforma de correções de redações para ENEM e vestibulares.

As redações deverão ser entregues pela área do aluno nova: http://aluno.enem.com.br.

Atenção: Para os alunos do curso Completo, o prazo de entrega é até 20/08. Já para os alunos do Ilimitado, o prazo é até o dia 13/08.

Curso Completo: as redações deste tema podem ser entregues até o dia 20/08/2017.

Ilimitado: as redações deste tema podem ser entregues até o dia 13/08/2017.

Tema: O Desafio da Gestão do Lixo na Atualidade

A partir da leitura dos textos motivadores e com base nos conhecimentos construídos ao longo de sua formação, redija um texto dissertativo-argumentativo na modalidade escrita formal da língua portuguesa sobre o tema O Desafio da Gestão do Lixo na Atualidade apresentando proposta de intervenção, que respeite os direitos humanos. Selecione, organize e relacione, de forma coerente e coesa, argumentos e fatos para defesa de seu ponto de vista

TEXTO I

lixo 3

Disponível em: < http://planetasustentavel.abril.com.br/infograficos/national-viagem-do-lixo.swf> 

TEXTO II

Lidar com o lixo e estimular práticas sustentáveis ainda é um desafio para os governos estaduais no Brasil. A pesquisa Perfil dos Estados Brasileiros-Estadic 2013, divulgada nesta quinta-feira pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), mapeou as ações de meio ambiente em curso nas unidades da federação ao longo de 2013, e encontrou, na maior parte dos Estados, limitações nesses quesitos. A maior parte dos programas e ações diz respeito a gestão de recursos florestais e hídricos, enquanto práticas de gestão de resíduos têm alcance limitado.

A área ambiental recebe em média 2,24% dos orçamentos nos Estados. A maioria das unidades da federação têm ações dedicadas à preservação da biodiversidade, monitoramento de mudanças climáticas e qualidade do ar e controle de recursos florestais. Menos de metade dos governos (44,4%), no entanto, têm programas de coleta seletiva de lixo e ações de logística reversa para reciclagem (37%). A pesquisa destaca a necessidade de ampliação de ações nesse sentido com o término do prazo determinado pela regulamentação da Polícia Nacional de Resíduos Sólidos. De acordo com a Lei 12.305, até 2015 o país deve atingir índice de reciclagem de 20% do total de resíduos.

Disponível em: <http://veja.abril.com.br/noticia/brasil/estadic-2013-ibge-gestao-do-lixo-ainda-e-um-desafio-na-maioria-dos-estados-brasileiros>

TEXTO III

A quantidade de lixo eletrônico produzido pela nossa sociedade não para de crescer. Atualmente, geramos cerca de 50 milhões de toneladas e, levando em conta o crescente desenvolvimento do setor de tecnologia da informação, a tendência é aumentarmos a produção de lixo eletrônico.

O dado é de uma pesquisa da Dell – maior empresa de distribuição de computadores dos Estados Unidos –, que preocupou as grandes companhias de TI, ao divulgar que a reciclagem dos aparelhos eletrônicos não acompanha a demanda da produção desse tipo de lixo. De acordo com o estudo, apenas 10% dos computadores de todo o mundo são destinados a reciclagem.

Disponível em: <http://planetasustentavel.abril.com.br/noticia/lixo/conteudo_475948.shtml> 

TEXTO IV

textoIV

Disponível em: <http://educomunicaoambiental.blogspot.com.br/2011/10/sustentabilidade-e-os-5-rs.html