O analfabetismo em evidência no Brasil

Entenda os principais fatores e os dados do analfabetismo no Brasil e saiba como utilizá-los em uma possível redação

508
Postado: 23 de outubro, 2020
analfabetismo

O analfabetismo é considerado a condição de quem não tem pleno domínio do alfabeto e das habilidades de leitura e escrita. Nesse sentido, indivíduos que são analfabetos acabam tendo dificuldades de comunicação e perdem parte de sua autonomia em relação ao mundo, o que gera um quadro delicado e preocupante em diversas esferas da sociedade.

ANALFABETISMO NO BRASIL

Embora cada vez mais suprimido, o analfabetismo ainda afeta 11 milhões de pessoas no Brasil, segundo dados do Ministério da Educação, tendo sua taxa reduzida de 6,8% em 2018 para 6,6% em 2019. Desse modo, é válido questionarmos em uma possível redação: quais são os obstáculos desse quadro? O que perpetua a existência dessa condição em nosso país?

analfabetismo

Ao olharmos para os dados apresentados pela Pnad, podemos perceber que um dos principais potencializadores desse quadro é a desigualdade, seja ela etária, racial ou social. Sob essa perspectiva, a maior parte das pessoas analfabetas têm mais que 60 anos e 27% deste grupo se identifica como preto ou pardo. Além disso, a região Nordeste, que concentra a maior parte das pessoas em extrema pobreza, também é a região que concentra mais pessoas analfabetas. Assim, pode-se perceber que o analfabetismo não é um problema isolado e solto no mundo. Ele é causado e mantido por um contexto social, político e econômico, sendo necessário que essa estrutura se modifique para de fato erradicar esse obstáculo. 

PRINCIPAIS FATORES DO ANALFABETISMO

Já sabemos que o plano de fundo do analfabetismo é a desigualdade, no entanto, ela é evidenciada e intensificada a partir dos seguintes quadros: 

  • Evasão escolar: causada não só pela desmotivação, mas também pela necessidade de ter que trabalhar ou assumir uma responsabilidade doméstica. 
  • Preconceito: muitas pessoas que tentam retomar a alfabetização já mais velhos enfrentam não só a dificuldade do aprendizado, mas também o preconceito de terceiros, o que gera um constrangimento e uma desmotivação.
  • Falta de infraestrutura: o funcionamento de escolas de maneira precária, ou até mesmo a ausência de uma escola, são fatores que contribuem para o agravamento do quadro. 

DICA DO PROFESSOR

Para te ajudar a construir um texto com o possível tema analfabetismo em evidência no brasil, convidamos o professor do QG do ENEM, Tony Gomes, para dar algumas dicas. Segundo ele:

“O analfabetismo no Brasil é histórico, cultural e vergonhoso. Levando em consideração que de acordo com o IBGE, 70% da população brasileira é analfabeta funcional, ou seja, tem diploma mas tem dificuldade para decodificar aquilo que lê, e que o índice de educação no Brasil tem um dos piores resultados, mesmo com o nosso PIB e renda per capita, demonstra-se que o analfabetismo ainda é um fator de risco para a nossa sociedade. Como uma pessoa consegue ter acesso a transportes públicos, medicamentos e a informações sem a capacidade de leitura desenvolvida?”

No que se refere a repertório sociocultural, o professor deu a seguinte dica:

“Filmes como “Central do Brasil” e “O Aluno” demonstram essa dificuldade”