Conhecendo algumas universidades brasileiras

376

Nós do QG do ENEM decidimos criar uma pequena descrição de algumas instituições de ensino brasileiras. Como sabemos que lidamos com realidades diversas, gostaríamos de abrir os seus leques de opções para esse ano de vestibular, fazendo com que você conhecendo algumas universidades brasileiras: UFMG, UFRGS, Unb e UFPE.

Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)

No ranking de 2017 da revista EXAME, a UFMG chegou a ser considerada a 4ª melhor universidade do Brasil. Além disso, a instituição se encontra entre as 5 com melhor empregabilidade do país.

Criada em 1927, a universidade já conta com aproximadamente 50 mil alunos. Já sobre a estrutura, a UFMG possui 3 campi (Belo Horizonte, Tiradentes e Monte Claros) e também é responsável pela administração de alguns museus. Além disso, também é disponibilizado transporte locomotivo dentro desses campi.

Na última semana, a universidade recebeu 130 alunos de 32 países diferentes em seus programas de intercâmbio. O que ressalta o renome internacional da instituição.

Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)

Criada em 1934, a UFRGS já foi responsável pela formação de 3 presidentes da República: Getúlio Vargas, João Goulart e Dilma Rousseff. Hoje, possui cerca de 30 mil alunos seja em graduação ou pós-graduação. Em 2016, a instituição foi eleita pelo MEC como a melhor universidade federal do país.

A estrutura da universidade também chama muita atenção. Mais de 300 prédios e 29 unidades fazem parte da instituição. Diversos cursos receberam cinco estrelas pelos critérios avaliados pelo MEC e sem dúvidas, é uma das maiores universidades do país.

Universidade de Brasília (UnB)

Alguns números da Universidade de Brasília chegam a surpreender. Eleita a melhor do país em quesito internacionalização, quarto lugar em pesquisa, sétimo em ensino e internacionalmente reconhecida como uma das 20 melhores universidades da América Latina.

Criada mais recentemente em 1962, já que a construção de Brasília marcou o final da década de 1950, a universidade conta com a terceira maior biblioteca do país e o quarto maior investimento federal, ficando atrás apenas de UFRJ, UFMG e UFF.

O renome de alguns cursos como Direito, Economia, Relações Internacionais e Antropologia sustentam o título de maior universidade do centro-oeste brasileiro.

Universidade Federal de Pernambuco (UFPE)

Vale a pena ressaltar logo de início que o maior nome da educação brasileira foi ex-aluno da instituição: Paulo Freire. A UFPE carrega a fama de ser um dos primeiros centros universitários do nordeste do país.

Também sendo considerada por diversos rankings como sendo uma dentre as 10 melhores universidades do país, a história da UFPE salta aos olhos. Tendo como precursora a Faculdade de Direito de Olinda criada por Dom Pedro I, a instituição possui um dos cursos de graduação mais antigos do país.

Com quase 45 mil alunos de graduação e pós-graduação, a instituição possui mais de 70 anos de história. Sem dúvidas, um dos maiores nomes do ensino universitário no nordeste do país com mais de 20 cursos com nota máxima segundo os critérios do MEC.

Universidade Federal da Bahia (UFBA)

Você acredita que tudo começou com Dom João VI? Pois é! A criação da Escola de Cirurgia da Bahia, que viria a se tornar o que hoje conhecemos com Universidade Federal da Bahia, possui mais de 112 opções de cursos nos dias atuais.

Fundada definitivamente em 1946, a UFBA conta com por volta de 40 mil alunos e também não poderia ficar de fora dentre as melhores universidades do país e as 16 maiores da América Latina segundo a Webometrics Ranking of World Universities. 

 

Por mais que o cenário da educação no país tenha passado por períodos de aperto nas verbas, vale sempre a pena ressaltar as riquezas acadêmicas nacionais que são orgulho internacional para o Brasil. Essas e diversas outras universidades formam a nossa elite intelectual e tem que sempre serem vistas com apreço e cuidado pelo setor público e por nós, cidadãos brasileiros.