Aprovada em Produção Cultural no IFRJ

1342

A Gabrielle Mazulo é uma QGniana de 19 anos, que mesmo nova, já é super guerreira que venceu diversos obstáculos pessoais para conseguir sua aprovação em 7º lugar no curso de Produção Cultural no IFRJ. Vamos contar um pouquinho da trajetória dela…

Mesmo com a família humilde, a educação sempre foi prioridade, o que fez com que Gabrielle estudasse nos melhores colégios do bairro. Esforçada e envolvida na escola, nossa QGniana tinha uma rotina estressante e durante o segundo ano do Ensino Médio desenvolveu o Transtorno de Ansiedade Generalizada, o que foi muito difícil para que ela e sua família aceitassem esse diagnóstico. O Transtorno não foi cuidado e a ansiedade só aumentava, o que fez com que Gabi fosse diagnosticada com depressão no início do terceiro ano do Ensino Médio. Em maio de 2016, Gabrielle parou de frequentar a escola e deixou o terceiro ano de lado. Remédios e terapias começaram a fazer parte da rotina dela, o que impossibilitou seus estudos para o Enem 2016. Passado algum tempo após tratamentos, nossa QGniana conseguiu retomar os estudos para se formar no terceiro ano com a ajuda de professores e por fim, terminou seu Ensino Médio.

Em 2017, ela estudou em cursinho presencial, estudou em casa mas algumas decepções vieram como as notas baixas, porém com a ajuda de seu cursinho e do QG do Enem, sua nota foi de 600 para 920 na Redação do Exame o que ajudou bastante para sua aprovação:

“Foram dias bastante intensos, muita derrota, muita conquista, mas jamais desistindo.
Esse foi apenas um passo, mas uma grande conquista.”, diz Gabrielle.
“Conheci o QG do Enem através de indicações no meu Instagram de estudos e o Projeto Medicina. Amei a organização da plataforma, a ajuda que me deram na Semana UERJ, ENEM e as aulas super completas. Os cursos “do zero” foram minha salvação pra recuperar o tempo perdido. Toda plataforma é excelente!”
Sobre os estudos, Gabrielle dá suas dicas:
“A primeira dica é assistir as aulas de organização do Galves! Meu Instagram de estudos me ajudou a ter contato com a galera que queria estudar e me inspirou muito. Pra mim, o fundamental é ter uma teoria bem consolidada para depois ir para os exercícios.
Resumos rápidos (como fichas de estudos) sempre ajudam a memorizar.
Meu conselho é dar o seu máximo e ter calma. Nunca ultrapassar os limites do corpo. As vezes a fala dos professores acaba nos pressionando e nos forçamos a ir além do que podemos. Estude com tranquilidade e com consciência que deu seu melhor. Não deixe de sair, ver seus amigos. Saúde mental não se compra e existe vida após ENEM!
E conclui:
“Depois de ter lutado muito para minha família aceitar minha escolha de carreira, eles finalmente viram que o esforço não é em vão. Por isso também digo para nunca desistirem de seus sonhos.  A arte sempre foi minha vocação e o poder de tocar o coração e a alma das pessoas um desejo forte. Não há nada melhor do que ver que todo seu esforço valeu a pena. Um ano de muita gratidão! Obrigada QG!”
Parabéns Gabrielle, <3
COMPARTILHE
Artigo anteriorOs Carnavais do Brasil
Próximo artigo920 na Redação do Enem 2017
Avatar
Graduanda em Comunicação Social (Estácio de Sá) e Ciências Sociais (Universidade Federal do Rio de Janeiro). Tem afinidade com a área de Ciências Humanas e é Analista de Mídia e Marketing. Ama gatos, viajar, ver séries e filmes de todos os tipos!