Saiba como usar os conectivos corretamente

0
1031

Os conectivos têm funções importantes na produção de um texto, podendo indicar uma quantidade enorme de relações diferentes e acrescentar melhores ideias à sua argumentação. Veja quais são os principais conectivos:

Conectivos de relação aditiva

Esses conectivos servem para ligar dois termos ou orações de idêntica função.

Conectivos: E, nem (= e + não)

Ex.: A sociedade atual se encontra cada vez mais fluída e a forma como as pessoas têm se relacionado está em constante mudança.

Ex.: As crianças de hoje não fazem exercícios nem se alimentam de forma saudável.

Conectivos de relação adversativa

Esses servem para indicar uma relação de contraste.

Conectivos: Mas, porém, todavia, contudo, no entanto, entretanto

Ex.: É importante o aluno se dedicar bastante durante a preparação para o vestibular. Contudo também é muito importante se divertir e refletir sobre as suas escolhas.

Ex.: A Lei Seca foi um bom projeto. No entanto sua aplicação não trouxe resultados tão efetivos como era esperado.

Conectivos de relação alternativa

Será usado para indicar a ideia de mudança.

Conectivos: ou…ou, ora…ora, quer… quer, seja…. seja.

Ex.: Embora o Brasil seja considerado um país em desenvolvimento, a economia atual não tem apresentado um desempenho regular: ora com bons números, ora com altas taxas de inflação.

Ex.: Ou o Estado passa a dar mais importância às universidades públicas ou os índices da educação no país continuarão insuficientes.

Conectivos de relação conclusiva

Indicam a ideia de conclusão.

Conectivos: Logo, pois, portanto, por conseguinte, por isso, assim, sendo assim, por conta disso.

Ex.: As crianças não possuem capacidade de discernimento para decidir as suas escolhas. Sendo assim, as publicidades infantis não deveriam ter caráter abusivo e influenciador.

Ex.: Determinadas piadas reafirmam preconceitos e estereótipos na sociedade. Por conta disso, as pessoas deveriam considerar que existem limites para o humor.

Conectivos de relação explicativa

Servem para indicar ou passar a ideia de explicação.

Conectivos: Que, porque, pois.

Ex.: A proposta de redução da maioridade penal é inadequada, pois ela não afeta efetivamente as causas do aumento da criminalidade.

Ex.: O governo deveria investir mais em saúde pública porque este é um direito básico da população.

Conectivos de relação causal

Esses conectivos indicam uma relação de causa e efeito.

Conectivos: Porque, por isso que, já que, uma vez que, visto que, visto como, pois.

Ex.: Uma vez que os homens possuem o mesmo potencial intelectual que as mulheres, os seus salários deveriam ser equivalentes.

Ex.: As campanhas contra a obesidade infantil são importantes já que elas podem ajudar efetivamente na conscientização dos pais sobre a doença.

Conectivos de relação concessiva

Será usado para indicar a apresentação de uma ressalva.

Conectivos: Embora, ainda que, mesmo que, por mais que, apesar de que

Ex.: Ainda que os índices de acidentes no transito tenham diminuído nos últimos anos, é necessário continuar com as campanhas de conscientização e políticas punitivas para evitar o retrocesso.

Ex.: Embora mais da metade de toda a população brasileira seja negra, o racismo ainda está enraizado na sociedade.

Conectivos de relação condicional

Indicam a condição necessária para a realização de um fato.

Conectivos: Se, caso, contanto que, dado que, desde que, a menos que, a não ser que.

Ex.: O índice de evasão nas escolas públicas do país poderá aumentar, caso não tenha investimentos na educação.

Ex.: Se o governo não atuar com rapidez, a crise não poderá ser superada.

Conectivos de relação final

Servem para indicar finalidade daquilo que foi dito na oração principal.

Conectivos: Para que, a fim de que, com a intenção de, com o intuito de, com o objetivo de.

Ex.: As campanhas de conscientização sobre o uso da água foram criadas com o objetivo de acabar com a crise hídrica.

Ex.: As cotas raciais foram criadas com o intuito de reparar a injustiça histórica contra populações afrodescendentes.

Conectivos de relação temporal

Esses conectivos indicam o tempo de desenvolvimento da ação mencionada.

Conectivos: Quando, antes que, depois que, até que, sempre que, assim que, desde que, todas as vezes que, cada vez que, ao mesmo tempo que.

Ex.: Ao mesmo tempo em que no brasil se pensa em adotar a redução da maioridade penal, as democracias maduras que optaram por essa medida buscam revertê-la diante de seus efeitos negativos.

Ex.: Antes que o problema de educação possa ser resolvido no Brasil, o Estado também deve garantir os direitos básicos da população.

Conectivos de relação consecutiva

Serão usados para indicar as consequências do que foi afirmado.

Conectivos: De forma que, tanto que, tal que, de maneira que, de modo que, de sorte que.

Ex.: Os valores para participar do evento foram caros. De modo que poucas pessoas puderam participar.

Ex.:  A velocidade do desenvolvimento tecnológico é enorme. De forma que as pessoas deixaram de se surpreender com o surgimento de novas tecnologias.

Conectivos de relação comparativa

Servem para estabelecer comparações.

Conectivos: Da mesma forma que, assim como, ao contrário de, diferentemente de, já.

Ex.: Ao contrário dos anfíbios, os répteis não respiram pela pele.

Ex.: Assim como nos países de primeiro o mundo, o Brasil deveria passar a investir mais em desenvolvimento tecnológico.

Quer mais dicas de português e redação? Veja aqui. 

Comentários

comentários

Sem comentários

DEIXE UMA RESPOSTA