UFOP Recebe Calouro Fabiano

0
2002

Hoje, a gente dá a voz para o QGniano Fabiano. Aprovado em 2º lugar em Engenharia Mecânica na UFOP (Universidade Federal de Ouro Preto).Logo UFOP

“No final do ano de 2014, eu não fazia ideia do que fazer. Se eu iria estudar, cuidar da empresa ou trabalhar. Então, resolvi que queria entrar em alguma federal. Assim que tomei minha decisão, saiu a notícia que minha irmã tinha conseguido ingressar no curso de Economia da UFOP, todos da família ficaram felizes com o resultado. Eu também tinha um apreço por essa área, então achei que poderia cursar Ciências Contábeis ou algo do mesmo campo. Tendo esse objetivo em mente, comecei a estudar para o ENEM no ano de 2015.

Sempre gostei de Matemática, mas quando comecei a estudar para o Exame, acabei de me apaixonar por ela. Já a Física, nunca fui interessado. No entanto, quando comecei a estudar essa matéria para a prova, acabei por gostar muito também, tanto que até aprendi alguns “macetes” em Cinemática que não aprendi na escola. Eu também gostava de fazer alguns experimentos.

Sendo assim, me vi numa área diferente da financeira. Criei em mim uma ambição pela ciência, números e equações. Logo, resolvi que minha área era engenharia. Procurei saber sobre os cursos e fiquei fascinado por Engenharia Mecânica, e assim, fiz minha escolha.

Eu já pretendia entrar na UFOP, e lá consegui a vaga em Engenharia Mecânica, 2º lugar de apenas 3 vagas. Minha média no ENEM foi 710,09, sendo 960 na redação.

Eu sempre estudava 3 horas por dia, estudar demais não é o caminho para aprender de forma eficiente, você apenas aprende de forma cansativa. É necessário respeitar o limite da mente e o do corpo, se mantendo sempre tranquilo.

Outra fica, é tentar resolver questões sobre o que está estudando logo após assistir a aula. Também é interessante começar por responder questões fáceis, depois resolver as difíceis. E, é claro, resolver questões dos exames anteriores (confira aqui nossos simulados).

O QG me ajudou demais em Física, Química, Biologia e Matemática. A área de humanas, eu acho um pouco mais fácil, então dava ênfase no que eu não tinha tanto conhecimento, isto é, as exatas. As correções das redações do QG serviram por demais para mim e meus textos. Comecei com redações que ficavam entre 500 e 600 pontos. Depois de 5 textos feitos, estava em 800 e 900, por fim, meus últimos ficaram entre 1000 e 900.

Segue uma grande dica que eu tenho certeza que me favoreceu muito, e usei na minha redação: use argumentos claros e de autoridade. Um exemplo: Eu estudei um pouco da Constituição Federal, mais precisamente o art. 5ª. Além disso, também estudei a Declaração Universal dos Direitos Humanos (Direitos Humanos no Enem – leia aqui), usei no meu texto do ENEM o que diz em seu art. 3ª. Recomendo que leiam, pois são direitos e argumentos incontestáveis, ou seja, darão força ao seu texto.

O conselho que tenho é que se alguém tem um sonho, ele precisa se fazer por merecer. Estudar, se esforçar, pois é assim que se consegue. E sempre se manter calmo e confiante. Também é importante saber o que quer e em que área é satisfatório estar.”

Sábias palavras para os vestibulandos de 2016. Fabiano estudou com o Curso Completo de 2015 que veio todo repaginado em 2016. Aulas totalmente atualizadas, correção semanal de redação, aulas de Atualidades, Interpretação e História da Arte. Confira aqui!

Comentários

comentários

Sem comentários

DEIXE UMA RESPOSTA