Top 10 : Temas de Química que mais caem no Enem

0
1104

O Enem passou, mas ainda tem mais estudos pela frente! Nos dias 3 e 4 de dezembro acontecerá outro Exame Nacional do Ensino Médio para aqueles que tiveram as provas adiadas por causa das ocupações estudantis. Por isso, continua o Top Temas especial de revisão, com a seleção dos assuntos de cada disciplina que mais caem no Enem.

Selecionados por Roberto Mazzei e Gabriel Cabral, professores do QG do Enem, seguem os 10 temas de Química com mais probabilidade de cair na prova de Ciências da Natureza.

  1. Cadeias carbônicas e suas classificações

Com a mais chances (17%) de cair em uma das questões do exame, sobre cadeias carbônicas o aluno precisará conhecer as classificações quanto à forma (aberta ou fechada), composição dos seus átomos constituintes (cadeia homogênea ou heterogênea), disposição dos mesmos (cadeia normal ou ramificada). Por fim, também deverá identificar o tipo de ligação existente entre os seus átomos de carbono (saturada ou insaturada).

  1. Estequiometria

Sobre este assunto o candidato precisará dominar os conhecimentos das Leis de Lavoisier e Proust, a fim de aplicá-los na resolução de exercícios simples envolvendo o grau de pureza, o rendimento reacional e reações consecutivas. Estequiometria tem 14% de probabilidade de aparecer em alguma questão de Ciências da Natureza.

Assista à videoaula que mostra como a habilidade é cobrada:

  1. Unidades de concentração

Entre os temas de Química que tem 7% de serem cobrados no Enem está a Unidade de Concentração. Sobre esta matéria o aluno deverá conhecer as principais unidades de concentração das soluções, sobretudo a concentração em mol/Litro e suas conversões. Além disso, terá que dominar as operações simples, como a diluição e mistura de soluções de mesmo soluto e de solutos diferentes, com e sem reação.

  1. Eletroquímica

Os professores Mazzei e Cabral ressaltam que é fundamental que o aluno conheça as diferenças entre pilhas e eletrólises. Além disso, para estar bem preparado para o Enem o estudante também deve conhecer as principais regiões destes processos (cátodo e ânodo) e quais espécies migram para os mesmos, bem como o sentido do fluxo de elétrons e o cálculo da d.d.p. Os assuntos de Eletroquímica têm 7% de serem abordados pelo exame.

Assista à videoaula que mostra como a habilidade é cobrada:


 5) pH e pOH

Também com 7%, o candidato precisará dominar os conceitos de força de ácidos e bases, grau e constante de ionização. Além de ter pelo menos uma pequena noção de logaritmos para resolver aos exercícios envolvendo o pH e o pOH de algumas soluções.

6) TERMOQUÍMICA 

Entre os temas de Química, a Termoquímica é bem recorrente no Enem – com 7% de probabilidade de aparecer contextualizando as provas. Sobre este assunto, o aluno precisará conhecer as maneiras de calcular o ΔH das reações químicas, seja através de dados numéricos ou da interpretação gráfica (como foi o caso da prova de 2015).

Além disso, os professores alertam que a Termoquímica pode ser explorada junto com a Estequiometria, abordando a quantidade de calor gerado versus a quantidade de reagente utilizados, geralmente combustíveis.

Assista à videoaula que mostra como a habilidade é cobrada:

7) SEPARAÇÃO DE MISTURAS

Para mandar bem em separação de misturas, que tem 6% de probabilidade de aparecer nas provas do Exame Nacional do Ensino Médio, o aluno precisará conhecer muito bem os nomes de cada técnica, além de fazer a associação correta entre os aspectos da mistura e a técnica mais indicada para separar seus componentes. Saber que este tema aparece correlacionado com tratamento da água, além de, tecnologias no combate à poluição ambiental é um grande diferencial, alertam os professores de química.

8) ACIDEZ E BASICIDADE

Mazzei e Cabral alertam que não é preciso apenas saber o que é um ácido e/ou uma base inorgânica. Os alunos que queiram se dar bem no Enem precisarão conhecer um pouco mais acerca de cada função inorgânica. Saber identificar, conhecer as propriedades físico-químicas e a nomenclatura são coisas que todo candidato precisa dominar para o exame. Com 6% de ser abordado nas provas, este tema apareceu no Enem 2015 em uma questão sobre a soda cáustica e muitos alunos erraram por não saberem que esta substância absorve muita umidade.

9) EQUÍLIBRIO QUÍMICO

Equilíbrio químico/iônico é um tema bem complexo. Nas provas, o assunto pode ser abordado com dois tipos de questões: com cálculo ou teórica. As questões do primeiro tipo, envolvem cálculos relacionados à constante de equilíbrio, ao cálculo do pH etc. Já as do segundo tipo exigem que o candidato reconheça como que o equilíbrio é afetado por perturbações, externas, causados a ele. Equilíbrio Químico tem 4% de chance de aparecer no Enem

Assista à videoaula que mostra como o assunto é cobrado:

10) REAÇÕES ORGÂNICAS

As reações orgânicas costumam assustar muito aos candidatos. Mas assim como Equilíbrio Químico este tema pode ser abordado de duas formas: reações muito famosas para os alunos ou reações não tão comuns aos alunos. As reações que costumam cair muito no Enem são as de esterificação/hidrólise, neutralização, oxidação. Estas reações estão muito relacionadas com fatos cotidianos como a produção de sabão, biodiesel etc. Reações não tão comuns também podem aparecer, como uma questão de 2015 que exigia apenas dos candidatos um conhecimento do antes e depois da reação.

Assista à videoaula que mostra como a habilidade é cobrada:

Comentários

comentários

Sem comentários

DEIXE UMA RESPOSTA