Novo Acordo Ortográfico: Uso do Trema

O acordo visa simplificar as regras ortográficas da Língua Portuguesa e aumentar o prestígio social da língua no cenário internacional.

0
2171

O prazo para a adaptação do novo acordo ortográfico acabou em 31 de dezembro de 2015, o que significa que ele entrou em vigor em 1º de janeiro de 2016. Cabe lembrar que o “Novo Acordo Ortográfico” já se encontrava assinado desde 1990, mas só agora é que teve sua implementação.

O acordo visa simplificar as regras ortográficas da Língua Portuguesa e aumentar o prestígio social da língua no cenário internacional. É importante lembrar que as diferenças entre o Português falado nos oito países que assinaram o acordo (Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor Leste) subsistirão em questões referentes à pronúncia, vocabulário e gramática.

Certamente, depois que se internaliza uma regra, é difícil “desaprendê-la”. Então, cabe aqui uma dica: quando se tiver uma dúvida sobre a escrita de alguma palavra, o ideal é consultar as regras do novo acordo ortográfico que estamos postando semanalmente. A regra dessa semana é sobre “trema” (Veja aqui a regra da semana passada). Vamos lá!!!

Trema

Não se usa mais o trema (¨), sinal colocado sobre a letra u para indicar que ela deve ser pronunciada nos grupos gueguiquequi.

Como era Como fica
agüentar aguentar
argüir arguir
bilíngüe bilíngue
cinqüenta cinquenta
delinqüente delinquente
eloqüente eloquente
ensangüentado ensanguentado
eqüestre equestre
freqüente frequente
lingüeta lingueta
lingüiça linguiça
qüinqüênio quinquênio
sagüi sagui
seqüência sequência
seqüestro sequestro
tranqüilo tranquilo

 

Atenção: o trema permanece apenas nas palavras estrangeiras e em suas derivadas. Exemplos: Müller, mülleriano.

Vejamos uma questão:

De acordo com o novo acordo ortográfico, palavras como “freqüente” permanecem com o trema, retirá-lo acarretaria erro na pronúncia.

(   ) Certo                    (    ) Errado

Resposta:

Segundo o novo acordo, o trema só existirá em palavras estrangeiras não aportuguesadas. Nas demais, o trema foi abolido. Logo, proposição Errada.

 

 

 

Comentários

comentários

Sem comentários

DEIXE UMA RESPOSTA