Enem 2016: 1ª competência de Matemática

Matemática é a prova mais honesta do exame, isto é, o conteúdo proposto nas sete competências cai na prova.

0
1832

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) é diferente dos demais vestibulares. Ele propõe ao estudante que compreenda fenômenos, resolva problemas e analise propostas de intervenção na sociedade.

Para conhecer melhor o exame, iniciaremos pela prova de matemática que exige do estudante sete competências. Matemática é a prova mais honesta do exame, isto é, o conteúdo proposto nas sete competências cai na prova. Em outras palavras, vale a pena estudar as competências propostas.

Matemática no dia a dia

A primeira competência da prova de matemática é uma espécie de “introdução à matemática”. O estudante precisa compreender que em determinado momento, para a vida em sociedade, foi preciso aprender a contar, somar, dividir e multiplicar, ou seja, precisa compreender que a linguagem matemática é uma construção social. As questões desta competência estão relacionadas à integração da linguagem matemática com a vida cotidiana.

EXEMPLO 1

Esta questão apresenta a ligação da linguagem matemática com notas musicais.

Enem 2009

A música e a matemática se encontram na representação dos tempos das notas musicais, conforme a figura seguinte.

 

Valor das notas musicais (Foto: Reprodução/ENEM)

Um compasso é uma unidade musical composta por determinada quantidade de notas musicais em que a soma das durações coincide com a fração indicada como fórmula do compasso for 1/2. Por exemplo, se a fórmula de compasso for , poderia ter um compasso ou com duas semínimas ou uma mínima ou quatro colcheias, sendo possível a combinação de diferentes figuras.

Um trecho musical de oito compassos, cuja fórmula é 3/4, poderia ser preenchido com

a) 24 fusas.

b) 3 semínimas.

c) 8 semínimas.

d) 24 colcheias e 12 semínimas.

e) 16 semínimas e 8 semicolcheias.

Gabarito: 24 colcheias e 12 semínimas.

EXEMPLO 2

Enem 2010

Neste outro exemplo, temos a classificação de países nas Olimpíadas de 2004.

A classificação de um país no quadro de medalhas nos Jogos Olímpicos depende do número de medalhas de ouro que obteve na competição, tendo como critérios de desempate o número de medalhas de prata seguido do número de medalhas de bronze conquistados. Nas Olimpíadas de 2004, o Brasil foi o décimo sexto colocado no quadro de medalhas, tendo obtido 5 medalhas de ouro, 2 de prata e 3 de bronze. Parte desse quadro de medalhas é reproduzida a seguir.

Imagem (Foto: Disponível em: http://www.quadroademedalhas.com.br. Acesso em: 05 abr. 2010 (adaptado).)

Se o Brasil tivesse obtido mais 4 medalhas de ouro, 4 de prata e 10 de bronze, sem alteração no número de medalhas dos demais países mostrados no quadro, qual teria sido a classificação brasileira no quadro de medalhas das Olimpíadas de 2004?

a) 13º

b) 12º

c) 11º

d) 10º

e)  9º

Gabarito: b) 12º

Comentários

comentários

Sem comentários

DEIXE UMA RESPOSTA