Aplicativo Novo Acordo Ortográfico

O Volp atingiu usuários não só do Brasil, mas também de países como Portugal, Japão, Argentina, Bolívia e Canadá, entre outros lugares

0
3303

Agora é obrigatório: a partir de 1º de janeiro de 2016, o novo acordo ortográfico é o único formato da língua reconhecido no Brasil. O acordo vigora desde 2009, quando o trema da linguiça, o acento das europeias e o hífen do dia a dia desapareceram.

O objetivo é unificar a nossa escrita e a das demais nações de língua portuguesa: Portugal, Angola, Moçambique, Cabo Verde, Guiné-Bissau, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste.

A ABL (Academia Brasileira de Letras) lançou um aplicativo grátis para tablets e celulares com o “Vocabulário ortográfico da língua portuguesa” (Volp). O aplicativo é uma espécie de dicionário com a ortografia oficial do português. A ideia é facilitar a adoção do novo jeito de escrever.

Há alguns anos, a ABL (Academia Brasileira de Letras) já disponibilizava o Volp para consultas gratuitas em seu site, o que exigia conexão à internet. Já o aplicativo, disponível para iOS ou Android, não necessita de conexão à rede.

O Volp atingiu usuários não só do Brasil, mas também de países como Portugal, Japão, Argentina, Bolívia e Canadá, entre outros lugares.

A criação do aplicativo, além de lançar um serviço, tem uma função política: a defesa do acordo ortográfico, que deveria ter entrado em vigor em 2013, mas teve seu prazo adiado para janeiro de 2016 por um decreto da presidenta Dilma Rousseff.

O Volp conta com o recurso autocompletar e, para quem tem problemas para ler em telas pequenas, permite aumentar o tamanho da fonte.

A disponibilidade do Volp num smartphone é revolucionária. Ainda há alguns professores que fazem campanha contra, mas o acordo já foi adotado na prática por todo mudo. No momento em que o vocabulário fica à disposição facilmente, é mais fácil a adoção das novas regras.

 

Comentários

comentários

Sem comentários

DEIXE UMA RESPOSTA